Zelandia (o Te Riu-a-Māui)

Por Ciencias y Sociales

Por primera vez un grupo de científicos de Nueva Zelanda ha cartografiado en mapas interactivos el continente perdido: Zelandia (o Te Riu-a-Māui), cuyo territorio en un 94% se sumergió bajo el mar hace 23 millones de años. (Imagen: GNS Science)

Ver esta publicación en Instagram

Embaixo da Nova Zelândia, há um vasto continente no fundo do mar. Antes parte da mesma porção de terra que a Antártica e a Austrália, o continente perdido da Zelândia se partiu há 85 milhões de anos e afundou no oceano, onde ficou por escondido por séculos. Agora, novos mapas revelaram informações sobre a terra submersa por onde dinossauros vagaram. O estudo dessa área, que tem cerca de 5 milhões de quilômetros quadrados, mostra que não se trata apenas de um conjunto de ilhas continentais e fragmentos, mas uma crosta continental grande e separada o suficiente para ser declarada oficialmente um continente. A Zelândia já fez parte do Gondwana, supercontinente que abrigava muitos dos continentes que conhecemos hoje, como África e América do Sul. Há cerca de 85 milhões de anos, a Zelândia se separou do Gondwana. A porção de terra à deriva, com cerca de metade do tamanho da Austrália, foi o lar de dinossauros e de exuberantes florestas tropicais. Milhões de anos depois, as placas tectônicas começaram a se reorganizar em uma época de mudanças geológicas drásticas, que também deram origem ao Anel de Fogo do Pacífico, cinturão onde estão localizados os vulcões mais ativos do mundo. Durante esse tempo, acredita-se que a Placa do Pacífico – maior das tectônicas do planeta – afundou abaixo da crosta continental da Zelândia. Esse processo, chamado subducção, levou a raiz do continente a se partir e afundar, segundo a Fundação Nacional de Ciência, uma agência de pesquisa do governo dos Estados Unidos. Cerca de 94% da Zelândia está submersa hoje, mas algumas partes do continente ainda estão acima do nível do mar, formando a Nova Zelândia e outras ilhas pequenas. O ponto mais alto da Zelândia é o Monte Cook/Aoraki, com 3.724 metros. FONTE: CNN; GNS Science. / Photo Copyright ©️ geoglemaps. . . . #geologia #geology #zealand #zelandia #continente #continent #tectonica #tectonic #magmajr #empresajunior #adoteumamepresajunior

Una publicación compartida de Magma Jr. (@magma.jr) el

0 Comenta

Artículos relacionados

Esta web utiliza cookies propias y de terceros para analizar y mejorar su experiencia de navegación. Al continuar navegando, entendemos que acepta su uso. Aceptar Leer Más

Privacy & Cookies Policy